crianças ajudando em casa

Como fazer as crianças ajudarem nas tarefas de casa?

O trabalho doméstico nunca acaba, e não é justo apenas um dos membros assumir todas ou maioria das tarefas, as crianças podem e devem ajudar.

Criança não trabalham! Isso é fato irrefutável, mas, os afazeres da casa precisam ser compartilhados, criando nos pequenos senso de responsabilidade e de pertencimento, inclusive.

 

Portanto, antes de começar a delegar, veja por faixa etária quais as tarefas mais adequadas para cada idade. Aos 2 anos, por exemplo, uma criança já pode receber a tarefa de guardar seus brinquedos, enquanto que aos 4, já pode organizar seus materiais escolares.

 

Quando maiores, entre 6 e 8 anos, preparar seu lanche, secar a louça, guardar suas roupas, etc. podem ser tarefas na sua rotina. Entretanto, para uma criança maior de 12 anos, por exemplo, auxiliar na limpeza dos cômodos, lavar louças, preparar alguns pratos, já são responsabilidades importantes e que podem ser assumidas por elas.

No entanto, como integrar a criança, dando-lhes tarefas sem ser exigente demais ou então sobrecarregá-las?

 

Para ajudar nas tarefas a gramificação é essencial

A gramificação desperta o interesse da criança, pois permite que participe da atividade, recebendo feedbacks e entendo que é capaz de realizar, portanto, alcança o objetivo.

 

Uma boa maneira de gamificar a criança e incentivar a realização de tarefas adequadas para sua idade, é na forma de pontuação. Você pode, por exemplo, atribuir pontos para cada tarefa concluída e ao final, assim que alcança x pontos recebe uma recompensa (que deve ser previamente definida entre pais e filhos).

 

Essa recompensa pode estar relacionada a passeios, materiais novos, tempo de game, etc… No entanto, a gamificação deve se diferenciar para cada faixa etária. Outra forma importante de incluir os filhos nos afazeres, é montar o quadro de tarefas.

 

Trata-se de uma ferramenta importante quando há mais crianças na casa e de faixas etárias aleatórias. Afinal, é uma forma justa e visível de cada um entender como contribuir. Inclusive, pontos ou insígnias também podem ser atribuídos motivando ainda mais a criança para assumir responsabilidades.

Enfim, deixe e incentive seus filhos a contribuírem com tarefas, tenha certeza de que irão se sentir importantes!

Rolar para cima